Como todos os produtos caros e apreciados, há sempre espaço para falsificações ou para tentar ludibriar o consumidor. Para facilitar a vida do consumidor de jamón, o Ministério de Agricultura Espanhol criou quatro diferentes classificações para o jamón ibérico espanhol, basicamente definidas pelo tipo de dieta do porco. O processo de cura é o mesmo, mas a extensão da cura será diferente. Os presuntos com menor qualidade terão uma cura de cerca de 1 ano enquanto os melhores presuntos são curados por até 4 anos.

O tempo de cura afeta a cor do produto final. Os presuntos mais novos possuem uma cor mais rosada enquanto os presuntos curados por mais tempo atingem uma cor vermelho rubi. O sabor será claramente diferente. Os produtores locais dizem que o porco ibérico de bellota é como uma “oliveira com quatro patas”.

TABELA NUTRICIONAL
CONFIRA RECEITAS
VOLTAR AOS PRODUTOS